All for Joomla All for Webmasters

Abdias

Abdias (JOSÉ ABDIAS DE FARIAS), Nascido no estado da Paraíba, já aos 6 Anos de Idade, empunhava sua sanfona de 8 baixos contra a vontade do Pai, que, convencido afinal, da precocidade Musical do Filho, Começou a ministrar-lhe os primeiros ensinamentos, que foram bem aproveitados.

Aos 12 anos, passou dos 8 baixos para o acordeom, ingressando como solista na Radio Difusora de Alagoas, onde conheceu Marinês, que viria a se tornar sua esposa. Depois de casados, formaram uma dupla, que ao percorrer vários estados, eis que um deles, Sergipe, na cidade de propriá, foram apreciados por ninguém menos que LUIZ GONZAGA, que os convidou para integrarem sua embaixada do baião.

Após 1 ano de excursões, Marines atingiu o estrelado com o famoso Grupo Marines e Sua Gente, sendo que no meio dessa gente, estava o Abdias, que por modéstia, não havia gravado nada. Marines insistiu tanto, que Abdias então, resolveu seguir carreira como solista de 8 Baixos, ficando conhecido como ABDIAS E SUA SANFONA DE 8 BAIXOS.

“Meu pai e a sanfona de 8 baixos”
Nome dos pais de Abdias: Alípio Maria da conceição e Cecília Maria de Farias, começou sua carreira aos 12 anos. Sua vida não foi sofrida pois tinha condições para iniciar sua carreira.

Meu pai morreu. Pôr coincidência Dia dos Pais. Foi um dos maiores sanfoneiros de 8 baixos do Sertão Paraibano.

Se ele não foi um grande artista de nome nacional no gênero, foi porque não houve a chance de gravar assim como eu tive. Mas eu fiquei aqui para levar o seu nome as alturas, como grande sanfoneiro de 8 baixos.

Neste LP “Meu Pai e a Sanfona”, aí está uma música inédita em as homenagem e o restante das músicas a maioria são de sua autoria e motivo popular adaptação minha, gravada no início de minha carreira artística por volta de 1960.

O importante é que todas estas músicas faziam parte do seu vasto repertório, músicas que gravei e que marcaram época, como “Cajueiro”, “Bode Chimé”, “Pai Abdias no Forró”, etc… por este motivo é que estou prestando este simples homenagem ao meu saudoso pai que foi a razão de tudo que sou hoje no meu pequeno mundo artístico da música regional de minha terra da qual muito me orgulho.

Agora, humildemente peço á todos aqueles que me prestigiam artisticamente que me ajudem a prestar esse tributo ao meu velho pai que se foi pra nunca mais voltar.

One thought on “Abdias”

  1. caetano lopes disse:

    conheci abdias dewsde 10 anos de idade a música catinguira cajueirodaí vem forró do pe rapado q tocava varadão da fazenda redio tupinabá de sobral ce, abdias seus sambas, foi melhor saneiro 8 baixos do brasil

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Top