All for Joomla All for Webmasters

Atendimento do Hospital Geral de Taperoá deixa a desejar

A paciente Maria Alice de apenas 8 meses de vida filha de Adenildo Gomes e Bruna Campos deu entrada no Hospital Geral de Taperoá por volta das 07:00 da manha com uma febre a cima de 39 graus, ao chegar no local foi feito a ficha da paciente e comunicado ao departamento responsável.

O pai pediu informações do médico para tentar realizar o mais rápido possível o atendimento já que a criança estava em estado sonolento gerando preocupação, ninguém conseguia dar um parecer, ate que a recepcionista preocupada e sem ser a responsabilidade dela, foi em busca do medico que compareceu com uma enfermeira depois de ter passado mais de 20 minutos de espera.

Pelo entendimento do pai da criança a responsabilidade de um atendimento rápido em caso de emergência seria da enfermeira chefe, pois ela é responsável por um atendimento rápido em caso de emergência, algo que não aconteceu.

Esperamos que a administração do Hospital Geral de Taperoá tome providencias sobre os atendimentos. Da para notar que algo esta errado, pois o hospital é constantemente noticia na rádio local da cidade.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Top