All for Joomla All for Webmasters

Escola Estadual Melquíades Vilar

A Escola Estadual de Ensino Fundamental e Médio Melquíades Vilar foi fundado em 1874 em um prédio situado a Rua Cícero de Farias com o nome de Escola Estadual de Taperoá.

A Escola Estadual de Ensino Fundamental e Médio Melquíades Vilar foi fundado em 1874 em um prédio situado a Rua Cícero de Farias com o nome de Escola Estadual de Taperoá.

 

No decorrer dos anos o “Estadual” tornou grandes proporções e passou a ser o objetivo das crianças da cidade, isto porque a escola marca uma nova etapa na vida delas, o inicio da adolescência, o contato com pessoas mais velhas e mais experientes, uma vez que o colégio atendia aos alunos do ensino Fundamental e Médio. Contudo o prédio destinado a mesma pela Secretaria Estadual de Educação se tornara insuficiente ou pequeno a imensidão de alunos que ali fazia necessário.

Em 1988 o Melquíades Vilar ganha nova sede, um prédio bem maior para acomodar os alunos e uma nova modalidade de ensino já se faz presente, é o Ensino Magistério dali os alunos sairiam com uma profissão. No começo só as mulheres, depois os homens também passaram a fazer parte do Normal, e este curso tem rendido grandes frutos à escola.

Hoje situado à Rua Ismênia Machado, 32 o Melquíades Vilar continua absorvendo grande parte da população estudantil de Taperoá. O nome da escola é uma homenagem a um cidadão Taperoaense, filho de uma das famílias fundadores da cidade: Vilar. Esta instituição é instalada em um prédio que teve o terreno doado pelo Sr. Antônio Queiroz (fazendeiro da cidade).

Além de melhorar o nível de aprendizagem, deve-se como desafio estreitar o diálogo entre alunos, funcionários, professores e coordenadores; diminuir efetivamente o tratamento dos alunos com os bens materiais da escola(pichar,quebrar e danificar) e implantar uma gestão democrática e participativa.

Dizem que a alma da escola são os seus gestores (coordenadores). Nós preferimos dizer que a alma da escola são todos os que nela convivem e aprendem: professores, alunos, funcionários, família e membros da comunidade. Os coordenadores, no entanto, tem o poder de animar, alimentar e fortalecer a cooperação entre todas as pessoas, sem as quais um prédio escolar todo arrumado perseguindo o cumprimento de normas seria um corpo sem vida coberto de enfeites.

A carência que os alunos tinham, junto com a grande vontade professores de conversar, opinar e participar fez com que os resultados fossem vistos em curto prazo. As decisões, mesmo sendo conforme o que alunos, pois eles aconteciam após serem ouvidos e convencidos.

Para melhorar a aprendizagem foi montada uma estrutura procedimental para a efetivação do plano de Metas traçado para a vigência 2006/2007. As ações estão acontecendo e os resultados estão sendo ansiosamente aguardados.

taperoa.com
fonte: Socorro Souza e Área Jane Gonçalves

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Top