All for Joomla All for Webmasters

II Festival Internacional de Folclore do Cariri se despede de Taperoá, nesta terça-feira, com aulão de dança na praça

O festival acontece até o próximo dia 30 em outras sete cidades

Nesta terça-feira (22), último dia do II Festival Internacional de Folclore do Cariri, em Taperoá, os grupos visitam escolas da rede pública e promovem aulão de dança em praça pública. O festival passará por outras sete cidades, terminando no próximo dia 30, no município de Marcação. O evento é uma promoção do Pontão Cariri Território Cultural, Universidade Leiga do Trabalho (ULT), Centro de Cultura Popular Luisa Maciel e Comitê Internacional das Organizações de Festivais Folclóricos e Artes Tradicionais (Cioff).

No segundo dia de apresentações em Taperoá, na noite desta segunda-feira (21), o público também participou do espetáculo. Os integrantes do grupo Paraguai ete desceram do palco para ensinar ao povo uma dança típica daquele País. A Praça João Suassuna se transformou num imenso salão de dança. “Eles são muito simpáticos e a dança deles é linda. Gostei muito de aprender pelo menos um pedacinho”, disse a funcionária pública Ana Maria dos Santos, 37 anos.

O grupo Sinomusa, da África do Sul, apresentou um espetáculo diferente e mais uma vez arrancou muitos aplausos da platéia. Formado só por mulheres, o grupo é de Tsolo, no Cabo Oriental e celebra a AmaMpondomise, um grande clã do Reino Xhosa. O figurino das africanas é colorido, alegre. “Todo mundo quer tirar uma foto com elas pra guardar de lembrança. Estou encantada com esse grupo. A dança, a música, as roupas, tudo é muito bonito”, disse Regina Duarte, 25 anos.

O Grupo de Cultura Os Cariris, de Taperoá, apresentou o xaxado, umas das coreografias mais bonitas e elogiadas da companhia. “Não me canso de assistir as apresentações dos Cariris e tenho muito orgulho de dizer que eles são da minha cidade. Todas as vezes que os vejo no palco, me emociono”, disse a dona-de-casa Maria do Carmo Silva, 56 anos.
Nesta terça-feira (22), a partir das 14h, os grupos realizam atividades educativas em escolas da rede pública. Às 16h30, haverá um aulão de dança para o público, na Praça João Suassuna, encerrando o festival em Taperoá. Daqui, os grupos seguem em caravana para os seguintes municípios: Assunção (dia 23); Juazeirinho (24); Camalaú (25); Monteiro (26); Soledade (27); Boa Vista (28) e Marcação (29 e 30).

Em todos os municípios, além dos grupos convidados, haverá apresentação de grupos locais. O evento tem a parceria do Governo do Estado, Fórum de Cultura e Turismo do Cariri Paraibano, Sebrae, Centro de Formação Artística de Boqueirão (Cefar), Ponto de Cultura Cariris Dança e Vida e prefeituras municipais.

 

taperoa.com
Com Ascom

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Top