All for Joomla All for Webmasters

Sociólogo fala sobre o Resgate da Identidade Cultural de Taperoá

George.jpg

O jovem George Soares Vilar Cientista Social com formação em Sociologia e pesquisa em Políticas Públicas e Educação Política, foi à tribuna da Câmara nesta sexta feira 17-02-17 falar sobre a potencialidade da Identidade Cultural de Taperoá e a ausência de uma Gestão Cultural Eficiente.

O jovem Sociólogo discorreu sobre a importância das Cambindas de matriz africana que surgiu de uma comunidade quilombola no bairro do alto, sendo o grupo mais antigo na Paraíba. Indicou o nome de Pedro Delmiro para a praça do “Coração”, como forma de homenagem bem como de um Arraial ou Ilha de Forró Martinho Silvério como início de um resgate da Identidade Cultural do Município. Salientou: “De tal importância é o reconhecimento da comunidade Taperoaense de sua própria história humana e a diversidade étnica e cultural formada na junção das matrizes Indígenas, Africanas e Portuguesas”.

Na ocasião mencionou também a necessidade de um espaço cultural de exposição e apresentações que aglutine todas as linguagens artísticas numa proposta integrada com as escolas e a juventude, salientando a falta de espaços planejados e mais ações públicas e políticas públicas na cidade para o turismo e o incentivo aos jovens artistas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Top