All for Joomla All for Webmasters

Um Taperoaense em busca de ajuda

Leonardo da Silva Souza sofreu, aos 40 anos de idade, um acidente que mudaria para sempre a sua vida. Foi na madrugada de 7 de outubro de 2006, quando estava retornando para casa, de moto, na rodovia BR-343, próximo à penitenciária Major César Oliveira.

Naquela madrugada ele acabara de assistir a um show de pagode, uma de suas grandes paixões, e provavelmente deve ter dormido enquanto pilotava. A moto foi encontrada no acostamento, ele no meio do mato, com uma forte pancada na cabeça.

A batida foi tão forte que danificou o capacete. Leonardo sofreu traumatismo craniano em grau elevado, ficando em coma por vários meses e quase morrendo.

Hoje, a dificuldade imposta pelo acidente a esperança de melhora em cirurgia na Alemanha

Trabalho e dedicação

Leonardo, ou Léo, como é carinhosamente tratado pelos amigos e parentes, construiu sua história com muito trabalho e dedicação. Começou como topógrafo de uma empresa baiana, mas tinha que viajar muito e ficava longo tempo fora de casa.

Em 1987, a jornalista Elvira Raulino implantou, em Altos (42km de Teresina), a Rádio São José dos Altos. Ele fez teste, foi aprovado e se destacou como operador de rádio, responsável por programas de grande audiência, como “Forró do Seu Mané” e “Show da Dedé”. Era pessoa de confiança da direção da emissora e dos seus companheiros de trabalho.

Em 1990, decidiu transferir-se para outra rádio, a João de Paiva, ali permanecendo por cerca de dois anos. Neste período, houve a popularização dos computadores e ele então decidiu se dedicar à informática.

Trabalhou como digitador e diagramador em escolas como Anglo Vestibulares, Santa Maria Goretti e Sinopse. Sempre uma pessoa alegre, excelente marido e pai, tomou a decisão, em 2006, de comprar uma moto.

Era o sonho de muitos anos realizado naquele momento. A mulher afirma que haviam decidido adquirir um carro, mas que Leonardo optou pela moto por ser um veículo econômico e dentro das suas condições.

A dificuldade decorrente da tragédia não tirou dela, em nenhum momento, a vontade de ainda vê-lo em condições bem melhores. Por isso, decidiu investir seus esforços na realização de campanha com que pretende arrecadar os recursos necessários para ir à Alemanha e fazer a cirurgia do marido. “Tenho muita fé em Deus de que ele voltará ao normal”, afirma.

Doações

Leonardo precisa de ajuda para cirurgia na Alemanha

Os interessados podem fazer doações diretamente na conta-poupança 15.753-8, agência 1428-1, do Banco do Brasil, Altos (PI), em nome de Maria Nelita Abreu.

 

Maiores informações:

Fone: (86) 3223-2380 – falar com Maria Nelita Abreu
http://blogdoleoaltos.blogspot.com

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Top