All for Joomla All for Webmasters

De batalhão á taperoá

 
OS NOSSOS GOVERNANTES

“1ª REPÚBLICA”

Natural do Estado de Pernambuco. Foi o primeiro Prefeito de Taperoá.“Ainda existe um de seus filhos residindo no nosso município, Srº Oriol Queiroz”.

JOSÉ GINUINO CORREIA DE QUEIROZ
 

FÉLIX JOAQUIM DALTRO CAVALCANTE

Nasceu em Cabaceiras-Paraíba. Formado em Direito, pela Escola de Direito de Olinda-Pernambuco. Promotor Público em Campina-Grande, Juiz Municipal de Piancó e Juiz de Direito de Batalhão (Taperoá). Abraçando a política destacou-se na fundação do partido autonomista da Paraíba, ao lado de Venâncio Neiva, Epitácio Pessoa, Almeida Barreto e outros.Foi deputado Estadual, chegando a vice-presidência da Assembléia Legislativa do Estado da Paraíba e Prefeito de Taperoá.

 
JOAQUIM RODRIGUES COURA

Natural de Goianinha-Estado de Pernambuco. Chegou a Taperoá, aos 2 anos de idade e veio trabalhar no ramo de comércio. Possuía grande casa comercial e era um fazendeiro rico.Como exemplo de grande administrador foi nomeado Prefeito.Nada sabe-se de sua administração

 

HERMANN CAVALCANTE DE QUEIROZ

Natural de Caruarú-Pernambuco. Foi nomeado Prefeito pelo governador Dr. João Suassuna. Como marco de sua gestão ficou: Construção do Xafariz, Banheiro Publico, a PonteVelha e a Construção das calcadas de todas as casas da rua principal. Na inauguração da ponte foi orador oficial Dr. Artur Carneiro.

 

JUSCELINO VILAR DE CARVALHO

Natural do município de Taperoá. Major da Guarda Nacional.
Como Prefeito de Taperoá não deixou registrado nenhum marco.

 

Dr. ABDIAS DA SILVA CAMPOS " 1929 a 1932 "

Natural de Taperoá formado em Direito e em Medicina em Minas Gerais.Exerceu a profissão de médico em Patrocínio cidade mineira. Depois voltando à sua terra exerceu dupla função de Médico e Juiz de Direito e depois Prefeito. Em sua gestão presenteou Taperoá a construção do Cais (parte baixa).

 
GOVERNO PROVISÓRIO
 
 

CÍCERO DIAS MACAÚBA

Natural de Taperoá, comerciante. Governou de 1933 à 1936.Em sua gestão construiu sanitários públicos e fez doação de cobertores para a pobreza.

 

Dr. JOÃO LELYS DE LUNA FREIRE
Governou de 1937 à 1941

Natural de João Pessoa formado em Advocacia. Foi Prefeito e deixou como marco de sua administração “O Cemitério a Consolação”.

 
Dr. ABDON DE SOUZA MACIEL
Governou de 1942 à 1947.

Natural da cidade de Cajazeiras-Paraíba. Formado em Farmácia, mas exercia a profissão de Médico. Clinicava em seu consultório. Recebeu título de cidadão Taperoaense, na Câmara Municipal “Casa de Corsino Farias”. Como Prefeito desta terra que o adotou, deixou as seguintes obras: Construção do prédio da prefeitura Municipal; Construção do cais (parte baixa) e fez a transferência da Zona de prostituição para outro local, construindo casas.

 
2ª REPÚBLICA
 
 

IRINEU RANGEL – 1948 à 1951

Natural de Taperoá, capitão da polícia Militar. Diretor de Presídio do Roger e do Manicômio Juliano Moreira. Recebeu a primeira Medalha Epitácio, na Assembléia Legislativa da Paraíba, construiu sanitários públicos e dedicou-se à pobreza, fazendo doações.

 

MANOEL DANTAS VILAR

Natural de Taperoá-PB agropecuarista.
Foi interventor entre um mandato e outro governou poucos meses. (Aproximadamente 4 meses).

 

MANOEL DE FARIAS SOUZA (SEU MANDÚ)
Governou de 1951 à 1955)

Natural de Taperoá, agropecuarista, comerciante, vereador e Prefeito por mais de uma legislatura. Dentre suas obras se destacam: Construção do Hospital Distrital, Construção da Caixa Dágua (abastecimento dágua da cidade), calçamentos, construção do matadouro, aquisição de veículos (caçamba, ambulância), criação rural de Taperoá

 

ADEODATO VILAR “SEU DATINHO”
Governou de 1955 à 1959

Natural de São João do Cariri-PB, e Prefeito. Entre tantas obras destacam-se: Construção do Mercado Público (Taperoá), Construção de um tanque para o abastecimento d’água (atrás do Xafariz); abertura da estrada Taperoá à Desterro (Via Serra); conclusão do açude Lagoa do Meio.

 

APRÍGIO PINTO BARBOSA
Governou de 1959 à 1963

Natural de Taperoá, comerciante, e Prefeito de sua terra natal. Durante sua gestão, dedicou-se a pobreza e construiu calçamentos.

 

JOSÉ RIBEIRO DE FARIAS
Governou de 1963 à 1969

Natural de Taperoá, chefe político, Deputado Estadual por dezesseis anos e Prefeito por mais de uma legislatura, suas principais obras foram: Construção do Mercado Público, construção do Estádio “O Ribeirão”, ampliação do cemitério “A Consolação”, construções de grupos escolares em diversas comunidades da zona rural, construção da Escola Pedro de Farias, aquisição da Biblioteca “Raul Machado”. Conseguiu a abertura do Agencia Banco do Brasil S/A nesta cidade e outros.

 

MANOEL DE ASSIS MELO
Governou de 1969 à 1973

Natural de Taperoá, agropecuarista, comerciante, fundador da Fundação Rita Suassuna, chefe político e Prefeito. Na sua administração deixou obras como: indenização de terrenos para aberturas de avenidas; construção das praças João Agripino e João Suassuna; construções das frentes das casas residenciais; extinguindo a casa de taipa à rua principal; conseguiu a abertura do Banco do Estado nesta cidade.

 

JOSÉ RIBEIRO DE FARIAS
Governou de 1973 à 1977

Foi um dos Prefeitos reeleitos por mais um período de quatro anos.

 

JOSÉ VILAR
Governou de 1977 à 1980

Natural de Taperoá, cursando Administração de Empresas abandonou o curso no 2ª ano. Trabalhou como repórter de jornais e rádios, Agente do IBGE, Assessor do Delegado do SENAM – órgão ligado ao Ministério da Justiça; Secretário da prefeitura na gestão de São Mamede, foi vice-Prefeito e Prefeito de Taperoá. Como Prefeito construiu: A escola Odacy Vilar; Escola João Rogério em Assunção; construção de escolas na zona rural; construção do prédio da Repetidora; esgotos e calçamentos. Mas teve o mandato cassado assumindo o vice-Prefeito.

 

MANOEL DE FARIAS SOUZA FILHO.

Natural de Taperoá, de família tradicionalmente política, formado pela Universidade do Recife. É professor da Universidade. Com a cassação do seu companheiro de chapa, assumiu a prefeitura. Com dois meses após sua posse o governador do Estado, Tarcísio de Miranda Buriti nomeado um interventor. Impetrado o mandato voltou a governar tempo antes de dois meses. Nesse período a frente dos destinos de Taperoá não deixou o mais importante, tentou edificação do ser humano.

 
Dr. JOSÉ DE ASSIS QUEIROZ.
Interventor (1980 à 1982)

Natural de Taperoá, de família política, formado em Advocacia, aposentado no cargo de Conselheiro do Tribunal de Contas do Estado da Paraíba, e fazendeiro. Com a cassação do Prefeito José Vilar, foi nomeado Interventor, passando dois anos. Durante o curto período, presenteou Taperoá com a denominação de ruas.

 

JOSÉ DE ASSIS PIMENTA
Governou de 1983 à 1988

Natural de Taperoá. Como Prefeito governou um período de seis anos. De sua administração deixou várias obras entre elas: Construções de grupos escolares (zona rural) construção do posto da Telpa (Assunção). Construção do Fórum Desembargador Manoel Taygi de Queiróz Mello Filho (Taperoá); Construção do escritório de EMATER e da Casa de residências do extensionista (Taperoá) construção da Creche (Assunção, eletrificação rural, recuperação de calçamentos, recuperação do PIASS-Taperoá).

 

LUIZ JOSÉ MONTEIRO DE FARIAS (LULA)
Governou de 1988 à 1991.

Natural de Taperoá, Ex-tenente do Éxercito; Comandante do Batalhão de XXXXX de Campina Grande, Universitário de Educação Física e Prefeito. à frente dos destinos de sua cidade, Lula deixou obras como: construções de praças, rede de esgotos, criação de creches, aquisição de veículos para o trabalho da prefeitura e a serviço do Municípios, construções de calçamentos, doação de medicamentos, transportes de doentes. Seu governo foi vitimado por uma grande seca. Nesse período fez doação de cestas básicas aos pobres da zona rural e urbana. Para ele a maior obra séria a “Edificação do se humano”.

 

GERALDO NOÉ DE FARIAS
Governou de 1993 à 1996

Natural de Taperoá, agricultor comerciante, vereador por mais de uma legislatura e Prefeito. De sua gestão realizou: Aquisição de veículos, construção do clube das Mães, construção da praça José Ribeiro de Farias, construção do Ambulatório Médico, construções de mata-burros e passagem-molhada, construção de poços artesianos, amazonas e barragens; recuperando e ampliando as escolas na zona rural, doação de Caprinos e Ovinos, Farmácia de povo,eletrificação rural; programa de saúde EM; manutenção de creches e casa do menor e adolescente. Doação de terrenos para construções de casas (atual conjunto da Solidariedade).

 

ADRIANO MONTEIRO DE FARIAS
Governou de 1997 à 1999

Natural de Taperoá, formado em administração de Empresas pela Universidade Estadual de Campina Grande poeta, vereador por mais de uma legislatura e Prefeito. Na sua gestão ficou as praças: Dada de Diniz, Maestro José Fernandes e recuperação da praça das Mães. Com a renuncia do Prefeito Adriano, assume o vice-Prefeito Luiz José Monteiro de Farias. (Lula).

 

LUIZ JOSÉ MONTEIRO DE FARIAS (LULA).

Com a renuncia do Prefeito Adriano, assume no dia 30 de abril de 2000 o vice-Prefeito Lula em sessão Solene no prédio da Câmara Municipal de Vereadores – “Casa Corsino Farias”.
Investindo no cargo, foi candidato a Prefeito, sendo eleito com 800 votos de maioria.

 

LUIZ JOSÉ MONTEIRO DE FARIAS (LULA)

É empossado para nova gestão. Iniciou seus trabalhos fazendo calçamentos em diversas ruas, continuando a construções de pracinhas ao centro da rua Epitácio Pessoa, continuando a construção do centro de Saúde e da quadra de esporte Soldado Gouveia e construções de redes de esgotos. Mas por motivo de precatórias Trabalhistas o Prefeito foi afastado do cargo de Prefeito por um ato de Intervenção. Mas continua lutando pelo direito de governar que lhe foi autorizado.

 

Dr. FRANCISCO REINALDO BARRETO

Por nomeação do governo do Estado – José Maranhão pelo período de 150 dias, assumiu no dia 16 de maio de 2001 no Fórum – Desembargador Manoel Taygi de Queiroz Filho o Interventor Dr Francisco Reinaldo Barreto.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Top